RTRS

reuniao_rtrs

Reunião do Grupo de Desenvolvimento de princípios e critérios da Mesa Redonda da Soja Responsável

A Round Table on Responsible Soy (RTRS) é uma iniciativa que visa preparar, implementar e monitorar um diálogo entre todos os atores envolvidos na produção, processamento e comercialização responsável de soja. Com uma ampla base de partes interessadas, a RTRS busca o desenvolvimento de uma definição de soja responsável com princípios e critérios que abranjam os aspectos ambientais, econômicos e sociais.

A RTRS teve origem em um grupo de organizações e empresas comprometidas com o conceito de produção, processamento e comercialização responsável de soja, dentre elas o Grupo André Maggi, e conta hoje com 120 membros de 15 países. As duas primeiras etapas contaram com a participação do Grupo André Maggi, sendo a primeira, a identificação dos impactos ambientais e sociais mais significativos da produção de soja em um workshop na cidade de São Paulo.

A segunda etapa buscou elaborar um conjunto de requerimentos básicos ou padronizados expressados como princípios, critérios e indicadores verificáveis, que definam a produção responsável da soja e o processamento inicial dos grãos de soja, juntamente com o mecanismo de verificação da sua implementação.

A elaboração dos princípios e critérios, assim como dos indicadores e mecanismos de verificação aplicáveis globalmente foi a missão do Grupo de Desenvolvimento (GD), um grupo constituído por uma ampla gama de partes interessadas na cadeia da soja, selecionados para representar os diversos interesses e experiências dos três grupos de circunscrições da RTRS: Produtores / Indústria, Comércio e Finanças / Sociedade Civil.

Após cinco reuniões presenciais do GD, o conjunto de Princípios & Critérios foi submetido e aprovado pela Assembleia Geral em Maio/2009 na cidade de Campinas-SP. O Grupo André Maggi participa atualmente da fase de testes de campo dos Princípios & Critérios da RTRS, disponibilizando duas propriedades próprias e duas propriedades de sua cadeia de fornecimento. Participa ainda do Comitê Executivo, do Grupo Técnico Nacional (Brasil) e do Grupo de Rastreabilidade e Demanda de Mercado.

Bookmark and Share